Sol, crianças, jogos… curta a praia sem perturbar o vizinho

famlia-praiaDurante o verão, não há espaço público mais procurado que a praia. Mar, sol, sombra e água fresca: difícil encontrar quem não goste de curtir um pouquinho de tudo isso na companhia dos amigos ou da família. Mas para tornar a curtição ainda mais agradável, que tal carregar algumas regrinhas de etiqueta dentro da bolsa?

Vigiar as crianças para que elas não molhem os outros, evitar pisar da canga alheia enquanto está andando e levar um saquinho para carregar o seu lixo para a casa são algumas dicas essenciais para quem não quer pagar “mico” nem virar o mal educado da praia.

A consultora de etiqueta Regina Sarquis explica que o objetivo dessas regrinhas não é tornar o passeio chato, mas torná-lo agradável para todos. “A praia é de todo mundo, não dá para pensar só em si mesmo”, explica.

Exemplo

O casal Lincoln de Paula, 51 anos, e Priscila Otoni de Paula, 40, sabem bem disso, e por isso estão sempre de olho nos filhos e sobrinhos que levam para a praia. “A gente procura ficar perto da água para evitar que eles tenham que andar muito até o mar e corram o risco de pisar nas coisas dos outros”, diz Lincoln.

Quem também dá exemplo na praia é o representante comercial Helielson Nascimento, 41, que brinca de frescobol com o filho Henrique, 13, longe das pessoas. “Jogar na beira do mar é muito inconveniente. Atrapalha quem está andando e coloca em risco as crianças. Sempre procuro um local mais afastado das pessoas”, diz.

E se a ideia é carregar a boa educação para a beira da praia, o grupo de amigos de Vila Velha e Laranja da Terra tiram nota 10. Junto dos salgadinhos, frutas, garrafas de água e de cerveja, eles não esquecem os saquinhos de lixo. “A gente não deixa nada espalhado. Somos quase todos professores e temos que dar o exemplo”, diz Emiliane Seibel Bringer, 27 anos.

E você, quer dar o exemplo também? Então veja as dicas do que é mandar bem e do que é mandar mal no verão.

“A gente não tira o olho das crianças, para evitar que elas pisem na canga dos outros ou molhem quem está por perto sem querer. Na praia, elas também precisam de limites”.

Regras de ouro para o Verão – O que é mandar bem

Saquinho de lixo

– Carregar um saquinho para guardar o lixo, como papel e palitinho de picolé, latinhas e cascas de frutas

Crianças

– Levar brinquedos para as crianças brincarem na areia
– Vigiar para que elas não incomodem os outros

Espaço

– Deixar espaço entre a sua barraca e a do lado
– Procurar um local mais afastado para jogar frescobol e praticar outros esportes
– Quando for entrar na água, ir com calma para não molhar os outros

Fumo

– Procurar um local longe da multidão para fumar

Objetos

– Ao levantar a canga, enrolá-la para evitar jogar areia nos outros
– Levar o seu próprio filtro solar para evitar pedir do amigo

Calma

– Não se estressar à toa

Regras de ouro para o Verão – O que é mandar mal

Lixo

– Deixar o lixo jogado na areia

Crianças

– Deixar as crianças irem para a barraca do vizinho e pegar os brinquedinhos de outras crianças

Desrespeito

– Sacudir a canga jogando areia nos outros
– Molhar os outros, principamente quem está entrando no mar com calma
– Praticar esportes, como frescobol e futebol, na beira da praia lotada
– Pisar na canga dos outros
– Fumar na beira da praia jogando a fumaça do cigarro nos vizinhos de barraca

Som alto

– Conversar alto
– Ouvir som alto no carro ou em caixinhas de som

Chuveiro

– Usar o chuveiro público achando que está no banheiro de casa e esquecer da fila que espera atrás de você.

Fonte: GazetaOnline


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*