Turismo de Aventura

Ao contrário do a maioria imagina o Espírito Santo é um estado rico em turismo de aventura, o seu território coberto por montanhas, mares e a linda Mata Atlântica, proporciona ao turista/desportista as condições perfeitas para a prática dos mais diversos tipos de turismo de aventura como o trekking, rapel, rafting, escalada, parapente,cascading, tirolesa entre uma infinidade de outras modalidades de aventuras incríveis.

Pretendo discorrer as principais modalidades em uma série de matérias em torno dos principais pontos de turismo de aventura no Espírito Santo espalhados de norte a sul, suas equipes, locações, websites e recursos disponíveis para a prática do seus esporte de aventura preferido.

Antes de mais nada, vamos ao dicionário, ou melhor, vamos ao google, mais especificamente à Wikipédia onde diz que:
“Turismo de aventura é um segmento de mercado do sector turístico que compreende o movimento de turistas cujo atractivo principal é a prática de actividades de aventura de carácter recreativo. Podendo ocorrer em qualquer espaço: natural, construído, rural, urbano, estabelecido como área protegida ou não. Atividades relacionadas: Rafting, rapel, mountain bike, mergulho autônomo, mergulho de apnéia, trekking, arborismo, exploração de Cavernas entre outras atividades.”

Ou ainda, o ministério público brasileiro que diz:

“ -Turismo de Aventura compreende os movimentos turísticos decorrentes da prática de atividades de aventura de caráter recreativo e não-competitivo”. (Marcos Conceituais – Mtur) – São as atividades recreativas que envolvem desafio e riscos avaliados e que proporcionam sensações diversas e novidade.

Destacam-se atividades como: – arvorismo, ciclismo, atividades equestres, atividades em cavernas, percursos fora de estrada – bungee jump, cachoeirismo, canionismo, caminhadas, escaladas, montanhismo, rapel, tirolesa – boia-cross, canoagem, mergulho, rafting – asa delta, balonismo, parapente, paraquedas, ultraleve”.

Uma coisa é certa, esta modalidade de turismo atrai pessoas de diversas idades porém, geralmente com uma sincronia maior com a natureza, bem dispostas, de bem com a vida.

Texto: Kaio Eduardo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*