Parque Moscoso

Parque Moscoso

Regulamentação:
Inaugurado pelo Governo do Estado em 19 de dezembro de 1912. Decreto Municipal 11.007, de setembro de 2001, estabelece normas de funcionamento.

Histórico:
O Parque Moscoso, inaugurado em 1912, está situado em área do antigo Campinho dos tempos coloniais, que originalmente era um extenso manguezal, aterrado no início do século XX.

O projeto original, de 1908, que mais lembrava uma grande praça ajardinada, foi planejado e implantado pelo paisagista Paulo Motta Teixeira. Tornou-se o cartão de visitas da cidade, valorizando os terrenos de entorno onde foram construídas elegantes casas da elite de Vitória.

O nome é uma homenagem ao presidente da província Henrique Moscoso, cujo busto se encontra no Parque. Em 1952, no Governo de Jones dos Santos Neves, foi realizada a primeira intervenção espacial do Parque, que ganhou uma concha acústica e uma escolinha infantil (Jardim de Infância Ernestina Pessoa), com acesso independente. Em 1973, no governo municipal de Crisógono Teixeira da Cruz, foi efetuada a segunda intervenção, onde foram alteradas suas linhas estruturais e construídas pequenas edificações que mudaram sua ambientação e sua função, sendo realizado o seu cercamento por muro com grades.

Em 2001 foi implantado o Projeto de Requalificação do Parque, que teve como premissa a valorização do ambiente original, um processo de revitalização, com melhorias em sua infra-estrutura e equipamentos, com o enriquecimento dos jardins, da arborização das alamedas e outras intervenções que abriram perspectivas mais amplas de visualização, inclusive dos monumentos históricos.

Fonte: Maria Izabel Perini Muniz. Parque Moscoso: Documento de Vida – Coleção Cadernos de História Nº45, IHGES.

Área: 24.142 m²

Topografia: Terreno plano, pois é proveniente de aterro de área de marinha, manguezal e alagados. Possui um grande lago artificial, de trajeto sinuoso, formando duas ilhas em seu interior, que são interligadas por pontes rústicas de concreto.

Fauna: Aves e peixes.

Flora: Vegetação composta por espécies nativas de Mata Atlântica e exóticas (todas introduzidas).

Entrada: Gratuita.

Acessos:
Av. Cleto Nunes – Parque Moscoso
Av. República – Parque Moscoso
Rua 23 de Maio – Parque Moscoso
Rua PE José Anchieta – Parque Moscoso

Telefone da Administração: (27) 3381-6819

Horário de funcionamento:

– SEGUNDA – FEIRA

5h às 9h e 17h às 22h

– TERÇA A DOMINGO (INCLUSIVE FERIADOS)

5h às 22h

Espaço esportivo: Campo de futebol de areia.

Espaço recreativo: Playground e mesas de jogos.

Espaço cultural: Concha acústica.

Serviço de Orientação ao Exercício (SOE): Oferece de terça à sexta-feira, atividades como ginástica e alongamento.

Módulo da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer: Oferece de terça à sexta-feira, atividades através dos projetos Segundo Tempo e, Esporte e Lazer.

Módulo comercial: Possui 02 lanchonetes.

Monumentos:

– Busto de Henrique Moscoso (Henrique de Ataíde Lobo Moscoso) – “Homenagem do Governo do Estado do Espírito Santo” – Instalado em 1910, confeccionado em bronze;
– Busto de Darcy Monteiro – “Monumento à Bondade”. Instalado no Parque Moscoso em 1966, escultura em bronze, concebida pelo artista Maurício Salgueiro de Sousa;
– Busto de Santos Dumont – “Homenagem do povo espírito santense ao Pai da Aviação”. Ato inaugural em 1973, concebido pelo artista Carlo Crepaz, confeccionado em bronze;
– Busto de Pedro Feu Rosa – “Ao humanitário médico Pedro Feu Rosa, homenagem do povo capixaba”. Inaugurado em 1982, concebido pelo artista Carlo Crepaz;
– Concha Acústica – Inaugurada em 1953, durante o governo de Jones dos Santos Neves. Projeto arquitetônico de Francisco Bolonha. Bem tombado através da Resolução nº 10/1986 pelo Conselho Estadual de Cultura;
– Chafariz do Parque Moscoso – “A Jerônimo Monteiro o agradecimento – 1908/1912”. Inaugurado em 1912.

Fonte: PMV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*